Adriano Amaral

Ribeirão Preto, SP, 1982.
Vive e trabalha entre Amsterdã, Holanda e São Paulo, SP.

Representado pela galeria Múrias Centeno e Jaqueline Martins.

Indicado ao PIPA 2015.

Adriano Amaral completou mestrado pela Royal College of Arts, em Londres. Entre suas exposições individuais mais recentes estão: Vleeshal Zusterstraat, no Vleeshal Center for Contemporary Art, Holanda (2017), Alloy Alloy, no Bielefelder Kunstverein, Alemanha (2016), Potlatch, no De Ateliers, em Amsterdã (2016); Año 35, nos Estudios Tabacalera, em Madri(2016); Focus, na Frieze, em Londres (2015); TraysForFlotation, na Mendes Wood DM; em São Paulo (2015); Never From Concentrate, na Múrias Centeno, no Porto (2015); Entre as coletivas, estão: Centres of Indetermination no SixtyEight Art Institute, Copenhague (2017), Hyperconnected, no MMOMA, em Moscou (2016); Brasil, beleza?!, no Beelden Aan Zee, em Haia (2016); Aparição, na Caixa, no Rio de Janeiro (2015); A Sense of things, na Zabludowicz, em Londres (2014).

Site: www.adrianoamaral.com



Posts relacionados


O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA