Sem título, 2002, lente, mecanismo, papel e bateria, 7x7,5x8 cm

Milton Marques

Brasília, DF, 1971.
Vive e trabalha em Brasília, DF.

Indicado ao PIPA 2010.

Video feito pela Matrioska Filmes com exclusividade para o PIPA 2010.

Sobre o artista

Milton Marques faz parte daquele time de artistas inventores. Suas obras se valem de um repertório low-tech. O que vemos são experiências ao mesmo tempo artesanais e técnicas com vídeo digital e aparatos tecnológicos que já foram inutilizados.

Seu repertório inclui elementos ópticos, impressoras, copiadoras, scanners, câmeras e outros mecanismos destituídos de sua função original. Milton Marques cria assim pequenas engenhocas, capazes de restituir uma poesia impensável para estes entes que já estavam fadados ao esquecimento.  Licenciado em Educação Artística, pela Universidade de Brasília.

O artista esteve na 26° Bienal de São Paulo, 2004. Integrou a 5a Bienal do Mercosul, Porto Alegre, RS, 2005. Em 2006 ganhou o Prêmio Marcantonio Vilaça, Funarte / MinC, Pesquisa.

Educação

1998
– Licenciado em Educação Artística, Universidade de Brasília, DF
1995 – 1998
– Grupo Corpos Informáticos, artista pesquisador, CNPQ, Brasil

Exposições Selecionadas

2014
– “Milton Marques”, Galeria Leme, São Paulo, SP
2013
– “Imagine Brazil” (exposição coletiva), Astrup Fearnley Museet, Oslo, Noruega
– Bienal Internacional de Curitiba, Curitiba, PR
– “Reinventando o Mundo”, Museu Vale, Vila Velha, ES
– “A Imagem Adquirida”, MAC Goiás, GO
2012
– “Situações Brasília”, Museu Nacional do Conjunto Cultural da República, Brasília, DF
– “Para Além da Xilografia”, Museo de la Solidaridad Salvador Allende, Santiago, Chile
2011
– “Os Primeiros Dez Anos”, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, SP
– “Estación Experimental”, LABoral Centro de Arte y Creación Industrial, Gijón, Espanha
– “Assim é, se lhe parece”, Paço das Artes, São Paulo, SP
– “Estacion Experimental”, Ca2m, Madri, Espanha
2010
– “Os Gambiólogos”, Espaço Centoequatro, Belo Horizonte, MG
– “Ponto de Equilíbrio”, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, SP
– “Paralela”, Liceu de Artes e Ofícios, São Paulo, SP
– “Brasília – Síntese das Artes”, Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), Brasília, DF
– “Pra Começo do Século”, Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Museu de Arte Contemporânea (MAC), Fortaleza, CE
– “Select”, 20 Hoxton Square Projects, Londres, Reuno Unido
2009
– “Mecanica Inexata”, Galeria Pontes, São Paulo, SP
– “Nova Arte Nova”, Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo, SP
– “Lo permanente y lo transitorio”, Espacio Cultural Embajada del Brasil, Buenos Aires, Argentina
2008
– “Cinema, Sim – Narrativas e Projeções”, Itaú Cultural, São Paulo, SP
– “Nova Arte Nova”, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, RJ
– “Trópicos”, curadoria de Alfons Hug, Martin-Gropius-Bau, Berlim, Alemanha e Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, RJ
– “Milton Marques”, Galeria Leme, São Paulo, SP
– “Arte pela Amazônia – Arte e Atitude”, Fundação Bienal de São Paulo, São Paulo, SP
– “Contraditório – Panorama da Arte Brasileira”, Sala de Exposiciones Alcalá 31, Madri, Espanha
2007
– “tecnoPOÉTICAS”, curadoria de Evandro Salles, Edifício-Sede do Tribunal de Contas da União, Brasília, DF
– “Panorama 2007″, Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, SP
– “Tomada”, Galeria Leme, São Paulo, SP
2006
– “Geração da Virada”, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, SP
2005
– 5ª Bienal do Mercosul, Porto Alegre, RS
– “Projéteis de Arte Contemporânea”, artista convidado, Espaço Brasil, Paris, França
– Lulea Sommar Biennal , Lulea, Suécia
– “Contrabandistas de Imagens”, MAC, Santiago, Chile
– “Mirações”, Centro Cultural Brasil-Espanha, Brasília, DF
2004
– 26º Bienal de São Paulo, artista convidado, São Paulo, SP
– “Projeto de Intervenção Artística”, artista convidado, Porto Alegre, RS
– IV Salão Nacional de Goiânia, Goiânia, GO
– “Arte Brasiliense Contemporânea”, UFG, Goiânia, GO
2003
– “Centro Excêntrico”, Centro Cultural Banco do Brasil, Brasília, DF
2002
– II Salão Nacional de Goiânia, Goiânia, GO
– Salão de Artes Visuais de Brasília, Brasília, DF
– “Faxinal das Artes Visuais”, residência, Curitiba, PR
2001
– “Rumos Visuais”, Instituto Cultural Itaú, São Paulo, Recife, PE e Fortaleza, CE
1998
– Salão Victor Meirelles, Florianópolis, SC
– Salão MAM-Bahia, Salvador, BA
– XXIV Festival Rio Cine, Rio de Janeiro, RJ
1996
– 11 º Festival Internacional de Arte Eletrônica Videobrasil, São Paulo, SP

Prêmios

2012
– Prêmio de Arte Contemporânea do Distrito Federal, Brasília, DF
2006
– Prêmio Marcantonio Vilaça, Funarte /MinC, Research, São Paulo, SP
2002
– III Prêmio Sérgio Motta por Trabalho Realizado, Museu da Imagem e do Som, São Paulo, SP; MAC Goiânia, GO
– II Salão Nacional de Goiânia, Prêmio Aquisição, Goiânia, GO

Coleções

– Museu Nacional do Conjunto Cultural da República, Brasília, Brasil
Artista representado pela Galeria Leme.

Veja a lista completa de artistas indicados ao PIPA.



Posts relacionados


Videos relacionados


Copyright © Instituto Investidor Profissional