Tagged Rodrigo Braga

Maior feira dedicada à fotografia do país, SP-Arte/Foto 2017 começa esta semana

(São Paulo, SP) Uma semana depois do Dia Internacional da Fotografia, comemorado em 19 de agosto – o Prêmio PIPA criou uma galeria especialmente para celebrar o dia –, São Paulo abriga um dos principais eventos de fotografia no país: a SP-Arte/Foto. Com início oficial nesta quinta-feira, 24 de agosto, a feira que acontece no 3º andar do Shopping JK Iguatemi conta com a presença de 32 galerias, quatro delas novatas na mostra.






#DiaInternacionaldaFotografia | Conheça 8 artistas contemporâneos que trabalham com fotografia

Quase dois séculos depois de sua invenção, em 1839, a fotografia mostrou que veio para ficar, estabelecendo-se como um dos meios de maior impacto da cultura contemporânea. Para comemorar o seu dia oficial, 19 de agosto, o Prêmio PIPA reuniu obras de alguns de seus vencedores e finalistas que trabalham com o suporte.






“Feito poeira ao vento”, no Museu de Arte do Rio, celebra a arte da fotografia

(Rio de Janeiro, RJ) É celebrando a apropriação artística da fotografia que o Museu de Arte do Rio (MAR) apresenta “Feito poeira ao vento”. Com abertura marcada para este sábado, a exposição revela ao público a coleção fotográfica do museu, que inclui, entre outros, obras de Marc Ferrez e Pierre Verger, além de contemporâneos como os indicados ao Prêmio PIPA Luiz Braga e Guy Veloso e o finalista e vencedor do Prêmio PIPA Voto Popular 2013 Rodrigo Braga.






Última semana de “Modos de ver o Brasil”, exposição que comemora os 30 anos de atividade do Itaú Cultural

(São Paulo, SP) Obras raras, como dois mapas do século XVII, dividem o espaço expositivo com obras contemporâneas de artistas como Berna Reale, finalista do Prêmio PIPA 2013, Éder Oliveira, finalista do PIPA deste ano e Paulo Nazareth, vencedor do PIPA 2016. Sob a curadoria de Paulo Herkenhoff, “Modos de ver o Brasil: Itaú Cultural 30 anos” está em cartaz na Oca, no Parque Ibirapuera, até este domingo, 13 de agosto, e traz cerca de oitocentas obras de um acervo de 15 mil peças pertencentes ao Banco Itaú.






0

Relação do humano com a terra guia coletiva com 12 artistas

(Rio de Janeiro, RJ) A prática de geofagia, ou ingestão de terra, inspirou “Sobre a terra”, coletiva inaugurada no último sábado na galeria A Gentil Carioca. Em uma experiência curatorial inicial, doze artistas – incluindo os indicados ao Prêmio PIPA Maria Laet e Rafael RG e os finalistas Matheus Rocha Pitta e Rodrigo Braga – exploram a relação material, conceitual, política e simbólica entre o humano e a terra.






0

Crítica social é marcante em videoartes exibidas no Galpão VB

(São Paulo, SP) Como parte da programação da SP-Arte, que começa esta semana, a Associação Cultural Videobrasil abre nesta quinta-feira, 06 de abril, “Nada levarei quando morrer, aqueles que me devem cobrarei no inferno”. Co-curada pela diretora da Videobrasil, Solange Farkas, e Gabriel Bogossian, a mostra reúne obras críticas às transformações sociais hoje em curso no Brasil assinadas por artistas como Virgínia de Medeiros, Rodrigo Braga, e Miguel Rio Branco – o nome da exposição, aliás, é inspirado em uma obra de sua autoria.






0

Conversa com Rodrigo Braga, por Luiz Camillo Osorio

Finalista ao Prêmio PIPA 2012, quando também venceu o Voto Popular Exposição, Rodrigo Braga nasceu em Manaus, apesar de ter crescido em Recife, Pernambuco. Em parte graças a essa vivência inicial, em parte graças a seu contexto familiar, sua poética frequentemente aborda a relação entre o homem e a natureza. O assunto é um dos que Braga discute aqui com Luiz Camillo Osorio, curador do Instituto PIPA, em uma entrevista exclusiva que perpassa ainda pela relação do artista com a fotografia e o vídeo, sua formação artística, e a recepção internacional de seu trabalho.






0

14 artistas participam de “Um piano na selva”, em Belo Horizonte

(Belo Horizonte, MG) Se Fitzcarraldo, obra de Werner Herzog lançada em 1982, pudesse ser resumida em uma imagem, é possível que ela consistisse naquela do piano perdido em meio a selva – uma ideia absolutamente fora do lugar. A imagem dá nome à coletiva “Um Piano na Selva”, que abre na Periscópio Arte Contemporânea neste sábado, 11 de março. Com curadoria de Germano Dushá, a exposição conta a participação de 14 artistas, sete deles já indicados ao Prêmio PIPA: Daniel Steegmann Mangrané, Daniel de Paula, Deyson Gilbert, Lais Myrrha, Pedro Motta, Rafael RG e Rodrigo Braga.






0

“O livro de São Sebastião”, individual de Bruno Vilela, motiva roda de conversa e mostra de curtas

(Rio de Janeiro, RJ) Inaugurada em dezembro do ano passado na Anita Schwartz Galeria, a individual “O livro de São Sebastião”, de Bruno Vilela, apresenta nesta quarta-feira, dia 18 de janeiro, uma programação (e tanto) de verão. Às 18h, um bate-papo entre Rodrigo Braga, Pollyana Quintella, Michel Masson e o próprio artista abre os trabalhos. Com ares de performance, a ideia é que Vilela, sentado em um divã de costas para o público, seja “analisado” por Braga e Pollyana. Depois, acontece uma mostra de curtas no contêiner no terraço da galeria.






O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA